Quem sou eu

Primeiro, deixa eu me apresentar: sou o Kazu, pai do B. e companheiro da C. Depois de 15 anos trabalhando em redações e agências de publicidade, resolvi dar um tempo. Pra mim e principalmente pro B.

Esses textos são pra contar um pouco da minha experiência de passar mais tempo com ele e como isso tem mudado meu jeito de encarar a paternidade. Não quer dizer que esse é o melhor jeito de fazer as coisas, nem que você deve fazer isso também.

As redes sociais estão abertas pra gente trocar uma ideia.